Quarta-feira, 27 de Abril de 2005
...

Acólitos no Santuário no Dia Nacional do Acólito


Peregrinação dos Acólitos a Fátima



Decorreu no passado dia 25 de Abril a Peregrinação Nacional de Acólitos ao Santuário de Fátima. Estiveram presentes mais de 2.500 acólitos, provenientes de todas as dioceses do país, o que revela a importância do evento.



Alegria de ser Acólito



Esta peregrinação anual que habitualmente tem lugar a 1 de Maio, ocorreu nesta data devido ao facto do primeiro de Maio coincidir ao domingo, acarretando inconvenientes na prestação da acção destes colaboradores da liturgia nas comunidades onde exercem.



Recinto na Peregrinação dos Acólitos a Fátima



O momento alto da peregrinação foi a celebração da Missa, presidida por D. António Taipa, com a colaboração dedicada de Monsenhor Luciano Guerra, reitor do Santuário de Fátima, acompanhado de muitos sacerdotes.


Aglomeração de Acólitos nas escadarias laterais ao altar do recinto do Santuário



O momento - sempre emocionante - do regresso em procissão do andor de Nossa Senhora à Capelinha, proporcionou uma visão de grande beleza, com os acólitos a fazer esvoaçar os cíngulos em círculo, uma forma diferente de despedida à Mãe do Céu.


Nossa Senhora no andor para o Altar montado no centro do Recinto, próximo da multidão de Acólitos

O adeus com os acólitos a esvoaçarem os cíngulos



A tarde foi livre, tendo cada grupo organizado as suas actividades. Alguns foram fazer a Via Sacra e outros optaram por reuniões de formação ou visitas.



Em conversa com o padre José Baptista – um responsável do Santuário de Fátima - , este considerou muito positivo esta acção dos acólitos, sublinhando o papel importante que os jovens sacerdotes têm desempenhado nas suas comunidades ao estimular esta actividade, mas apelando para uma maior organização. Por outro lado, frisou a importância cada vez maior da formação que deverá ser ministrada a estes jovens, tendo em vista a concretização do evangelho no dia a dia.



O autor quis colocar-vos a assistir como se estivesses nas escadarias do Recinto




A acção e enquadramento destes rapazes e raparigas é cada vez mais necessária nesta Igreja em Movimento, onde a juventude representa o futuro da própria Igreja. Os jovens são generosos e anseiam por valores positivos, assim nós sejamos capazes de lhe transmitir a mensagem certa.



O fim das cerimónias vistas pelos seus olhos como se estivesse lá







Nota: Embora este trabalho seja para o público em geral, eu desejo fazer uma dedicatória muito especial: ao meu filho Eduardo Filipe (submetido a operação recentemente e da qual está a recuperar ), que foi acólito no Santuário de Fátima entre 1988 e 1999. É especialmente para ti, com o desejo de boas melhoras.



publicado por josedusantos às 17:12
link do post | comentar | favorito
|

7 comentários:
De Pinquio a 18 de Junho de 2005 às 11:18
Amigo

Quero delicitar-te por teres decidido exaltar aqui na blogoesfera a importância da tua cidade. Fátima é não só uma cidade em franco progresso, como é principalmente, a capital da espiritualidade e da Fé em Portugal. Fátima é um hino de louvor a Maria, que por sua vez decidiu santificar esse lugar com a Sua presença. Vou ser visita assídua deste teu blog.
Um abraço amigo do Pinóquio


De Princesa a 4 de Maio de 2005 às 09:36
Olá josé... Passei uma vista de olhos no teu blog e achei bonito a maneira como tu estás a homenagear a tua cidade. bonitas fotos, bons textos, continua que está muito bom o teu blog. Prabens e fica um beijinho.


De Antnio Reis a 3 de Maio de 2005 às 09:27
Achei interessante ver os acólitos de saias brancas :-), como os escoceses, mas mais compridas e branquinho. As cordas a esvoaçarem também é muito particular.
.
Coisa bonita, a ver se daí saem alguns padres, e quando os jovens de hoje não vão muito para perto do altar, que o altar venha ter com os jovens.
 
Que Fátima não se manche com casos como os da Igreja na América.
.
Entendo que a carne é fraca, e os anglicanos nesse aspecto têm mais juízo.


De SARDO a 30 de Abril de 2005 às 09:23
Olá pessoal! Saudades!

Já fui acólito, sabiam? 8 anos no Santuário de Fátima.

Se tiverem algumas fotografias coloquem-nas por aqui. Decerto o Filipe tem algumas dos velhos tempos.

Ajudei como Acólito na missa do Stº Padre. Honra.

Aqui se cumpriu uma coisa que o "famoso" Sr. Padre Pinho dizia que gostava de ver, um dia nacional do Acólito. Coitado. Esteve no ultramar a combater e a cabeça dele não veio boa do que viu e se calhar do que tomou.

Não havia ninguém melhor que o Padre Pinho para espantar a ciganada que incomoda daqueles lugares santos, mas tinha um grnade defeito e sabia que o tinha: pouca capacidade de concentração, logo, não deixava ninguém falar para não desconcentrar. Duas perguntas ao mesmo tempo e desnorteava-se. Geito meio chato esse.

Personalidade. É preciso personalidade. Ou se é ou se deixa de ser, não há "fingir de ser" neste mundo. Temos de ser a sério, porque essa coisa de fingir que se é nunca deu em nada senão moer tempo. Mesmo sendo Acólito, ou se é, ou se deixa. Por vezes convida-se a deixar, outros convida-se a ser. Uma questão de coerência, que tanto falta desde aos políticos republicanos, até aos... Saudades da palavra da Nobreza. Um rei a sério fazia falta.

Divagando, já agora, solução para Portugal: os políticos deixarem de fingir que gerem quando nunca prestaram para gerir. Entreguem a gestão a gestores e dediquem-se apenas onde fazem menos estragos: à política...

hum... continuando...

Os sinos. Falta aqui um artigo sobre os sinos da Basílica do Santuário. Sempre quiz ir aos sinos ver aquilo. Nunca me disseram para vê-los. Nunca me mostraram. Nunca pedi.


De Rata Zinger a 29 de Abril de 2005 às 17:33
O meu blog também é acolhimento. Já fui à Fátima. Não me diz nada. Irei provavelmente como turista. Não para rezar.


De gaivotadaria a 29 de Abril de 2005 às 17:28
A 1ª vez que visitei o Santuário senti uma sensação de paz que me emocionou tanto que me deixou a pensar bastante.
Foi quase uma sensação estranha de tão intensa.Quando falo nos Mistérios de Fátima é sempre com o maior respeito.
Obrigada pela visita ocasional ao meu Blog.Bem haja.


De Menina_marota a 29 de Abril de 2005 às 12:44
Já visitei muitas vezes o Santuário. É um local de recolhimento, onde sabe bem estar. Lá a Fé parece maior, que em qualquer outra parte.
Agradeço a visita ao meu Blog. Já sei onde vir, quando quiser meditar.

Abraço :-)


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Janeiro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27

29
30
31


posts recentes

A caminho do centenário

FÁTIMA EM AGOSTO

Cumprir promessas

Oferta de flores à Virgem

A luz da fé

Água de Fátima

Peregrinação Internaciona...

Bispo de Leiria-Fátima vo...

Comunidade Ucraniana em P...

Igreja Paroquial de Fátim...

arquivos

Janeiro 2017

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

Outubro 2005

Julho 2005

Junho 2005

Maio 2005

Abril 2005

Março 2005

tags

todas as tags

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds